Páginas

14 de setembro de 2010


É triste saber que falta alguma coisa e saber que não dá pra comprar, substituir, esquecer, 
implorar. 
É triste lembrar como eu ria com ele. 
Mas amor, você sabe, amor não se pede. Amor se declara: sabe de uma coisa? 
Ele sabe, ele sabe.

Nenhum comentário: