Páginas

5 de junho de 2011


O vento só me atiça
ao valor do tempo.
É um beijo da vida
me fazendo acordar.
Colho as flores,
que da tempestade nasceu,
depois de uma longa estiagem.
Me enfeito do que é meu.
Desvio as pedras...
Há de ficar linda
essa vida que Deus me deu.

3 comentários:

Alê disse...

Há de ser única e maravilhosa, essa vida sim,

Um beijo

Lane. disse...

nada como um dia após o outro dia! (:

tem selo pra você lá no blog (:

http://sweetboldness.blogspot.com/

Verô. disse...

De um jeito ou de outro, sempre fica!