Páginas

6 de dezembro de 2010


Quem te viu, quem te vê, hein rapaz?
Você tinha era manias demais
Mas aí o amor chegou
Desabou a sua paz
Despediu seu desamor pra nunca mais
Algum dia você vai compreender
A extensão de todo bem que eu lhe fiz
E você há de dizer: meu amor, eu sou feliz

Quem te viu e quem te vê, hein rapaz?

Um comentário:

Dona Lu disse...

Afinal, quem não muda por amar ?!
Parabns, teu blog ta lindo flor!
Beijos